Alugar um imóvel: direitos e deveres de inquilinos e proprietários

Tempo de leitura: 3 minutos

Grande parte dos problemas entre inquilinos e proprietários ao alugar um imóvel acontecem por desconhecimento de uma ou ambas as partes com relação a seus direitos e deveres. Veja o que compete a cada parte e tenha mais tranquilidade na hora de fechar um contrato de aluguel.

Proprietário

Antes de oferecer o imóvel para locação, o proprietário é responsável por qualquer vício ou defeito existente. Também deve fazer o pagamento de todas as taxas, impostos e outros custos relacionados à manutenção do imóvel.

Ao dispor seu imóvel para locação, o proprietário também é responsável por cobrir as taxas administrativas imobiliárias, despesas extraordinárias, fundos de reserva e reformas, caso o imóvel faça parte de um condomínio, e também valores referentes às certidões do fiador, caso as solicite ao locatário.

É recomendado que o proprietário faça, antes de fechar qualquer negócio, uma vistoria detalhada, com fotos e informações sobre o estado do imóvel, para impedir confusões no futuro sobre quem é responsável por danos que possam ser identificados ao final do contrato de locação.

Após alugar um imóvel, o proprietário também tem como obrigação oferecer ao inquilino recibos dos aluguéis pagos, sempre com valores discriminados. Se o inquilino não cumprir com sua responsabilidade de pagamento de aluguel, o proprietário tem todo o direito de dar início a uma ação de despejo.

Inquilino

Além de pagar o aluguel pontualmente todos os meses, o inquilino tem como responsabilidade fazer a manutenção do imóvel durante sua estadia, corrigindo quaisquer danos que sejam causados por ele.

Nenhuma modificação no imóvel é permitida sem que haja um consentimento prévio do proprietário – por escrito para evitar transtornos futuros. O inquilino também deverá permitir visitas do proprietário, desde que combinadas com antecedência.

Caso o proprietário deseje vender o imóvel, o inquilino tem como direito a preferência na compra e caso o proprietário não respeite isso, o inquilino pode até entrar com uma ação judicial por perdas ou danos e poderá até mesmo conquistar a posse do condomínio mesmo após a venda, desde que deposite o valor da compra mais despesas adicionais de acordo com a decisão jurídica.

O inquilino também deve ter muita atenção ao contrato e às vistorias realizadas no início e ao final do relacionamento para não ter nenhuma surpresa e custos adicionais não planejados.

Por que alugar um imóvel com uma imobiliária

Como você pode perceber é muito importante dar atenção ao contrato na hora de alugar um imóvel, seja você proprietário ou inquilino. Contratar uma imobiliária para cuidar do processo de locação é a atitude mais responsável para garantir que não surjam transtornos para nenhuma das partes envolvidas.

A Investt Imóveis trata a negociação e o relacionamento entre proprietários e inquilinos com o mais alto profissionalismo e cuida de todo o processo para garantir que não hajam empecilhos, seja do ponto de vista estrutural, financeiro ou burocrático.

Se você está em busca de alugar um imóvel, veja aqui nosso catálogo de imóveis disponíveis. Agora, se você é um proprietário e não quer dores de cabeça para lidar com inquilinos, fale agora com a equipe da Investt Imóveis!