Investt

Qualidade do atendimento, segurança nos negócios e agilidade, fizeram da Investt Imóveis uma das empresas mais consultadas do mercado, onde o cliente tem satisfação quando consulta seu website - www.investt.com.br - para comprar, vender, alugar ou permutar seu imóvel.

Dicas para planejar uma reforma sem estourar o orçamento

Arquitetura
POST-15-MARÇO---TEXTO-PRO-BLOG-DICAS-DE-REFORMA
15 de março de 2017 / By / , , , , , , , , , , , , , , /

Muitas pessoas acabam endividadas ou com o imóvel reformada de uma maneira que não queria, por cortes de gastos. Para evitar esse tipo de frustração, é necessário um bom planejamento e seguir as 5 dicas que separamos pra você.

 

1- Defina o escopo da obra para evitar mudanças durante o processo

Sem saber o que você quer fazer, a reforma pode ser um fiasco.
Apesar de parecer óbio, muitas pessoas compram materiais sem definir exatamente quais cômodos serão reformados ou a quantidade que será necessária. Por isso, é imprescindível que você planeje bem antes e coloque tudinho no papel.

 

2- Divida a reforma em etapas

Faça um cronograma do seu projeto. Acredite, pode parecer trabalhoso inicialmente, mas as dores de cabeça que você vai evitar no futuro é compensador.

 

3- Consulte um profissional

Definir o projeto, fazer o cronograma e executar com eficiência as duas etapas anteriores pode ser muito complexo para quem é inexperiente ou para quem não é do ramo. Por isso, é altamente recomendável que você consulte um engenheiro ou arquiteto para assessorá-lo. Além disso, a mudança equivocada da planta do imóvel pode fazer sentido pra você, mas pode gerar uma perda de valor em uma futura venda. Cuidado!

 

4- Pesquise os custos dos materiais e mão de obra

O planejamento da reforma deve incluir a pesquisa sobre os custos com materiais e mão de obra. Além de contar com a ajuda de profissionais, as buscas podem ser feitas em lojas de materiais de construção ou pela internet.

 

5 – Avalie se a sua renda realmente será suficiente para a obra
Dependendo da reforma, ela pode custar o equivalente a um novo imóvel. Por isso, se os gastos não forem planejados, você corre o risco de precisar conviver com uma parede pela metade, ou com um piso inacabado. Depois de definir, portanto, qual será o escopo da obra, o prazo e o valor que será investido, é hora de pensar na sua capacidade de comprometimento. É importante que você faça uma análise da sua situação financeira para verificar se a reforma, quando somada a outras eventuais dívidas, não pesaria demais no seu orçamento mensal. Portanto, muita calma nessa hora!

Aproveite muito bem as nossas dicas e curta o seu lar novinho em folha!

 

* Com informações da Revista Exame.

Você também pode gostar:

POST-25-MAIO---TEXTO-BLOG-DICAS-PARA-BANHEIRO
3 dicas para deixar o seu banheiro mais organizado.
1 de junho de 2017
TEXTO-BLOG-3-MAIO
Entenda os diferentes tipos de apartamento
8 de maio de 2017
TEXTO-PARA-O-BLOG-28-MARÇO---DICAS-PARA-OTIMIZAR-ESPAÇO-NO-SEU-APARTAMENTO
Dicas para otimizar espaço no seu apartamento
29 de março de 2017